Correios taxa todas as compras internacionais, e PROCON abre investigação

Correios Taxa todas as compras internacionais e PROCON abre investigação Correios taxa todas as encomendas internacionais em R$15 para cobrir prejuízo ocorrido por corrupção  na estatal nos últimos anos. Embora a notícia passada seja que os Correios estão tomando prejuízo com encomendas internacionais chinesas que burlam as leis alfandegárias. Quem importa sabe que não é…

Rastreando suas encomendas internacionais com o 17Track

Como rastrear suas encomendas internacionais usando o 17Track 17 Track é um serviço de rastreamento de encomendas com suporte para as principais transportadoras, presente em 200 países e com suporte para 30 idiomas. Antes do AliExpress ter um sistema de rastreio integrado, eles recomendavam o 17 Track.  Você pode usar o aplicativo ou no desktop,…

Categorias

“Minhas Importações” Novo sistema de importação da Receita Federal

“Minhas Importações” – Novo sistema de importações “Minhas Importações” – Novo sistema de importações dos Correios/Receita já está em fase inicial de operação, o sistema promete reduzir o tempo de entrega em até 10 dias. O sistema será implantado em fases, e os pacotes do tipo EMS já começam a ser tratados nesse novo formato…

Unidade de Tratamento Internacional de Curitiba

Unidade de Tratamento Internacional de Curitiba Você deve estar muito familiarizado com essa frase né? “Unidade de tratamento internacional – Brasil” e “Conferindo recebido no Brasil” são frases que indicam que sua encomenda está em solo nacional e está passando por uma triagem da Receita Federal, antes de ser destinado ao seu estado e posteriormente,…

isenção de importação até 100 dólares, verdade ou lenda?

isenção de importação até 100 dólares, verdade ou lenda? A muito tempo surgiu essa discussão sobre a lei alfandegária e vem dividindo opiniões. Com um aumento significativo de mais de 45% no volume de importações, em comparação com anos anteriores, pouco efetivo, as importações na categoria “presente” passaram a chamar a atenção da Receita Federal….